Maria do Carmo leal Escola nacional de Saúde publicamente Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluxo de Janeiro, Brasil. Ana Paula Esteves Pereira Escola nacional de Saúde público Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluviais de Janeiro, Brasil. Rosa mary Soares madeira Domingues Instituto de inspeção Clínica Evandro Chagas,Fundação Oswaldo Cruz, rio de Janeiro, Brasil. Mariza Miranda Theme filha Escola nacional de Saúde pública Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluxo de Janeiro, Brasil. Marcos agosto Bastos dia Instituto nacional de saúde da Mulher, daCriança e a partir de Adolescente Fernandes Figueira, base Oswaldo Cruz, fluviais deJaneiro, Brasil. Marcos Nakamura-Pereira Escola nacional de Saúde público Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluviais de Janeiro, Brasil. Maria Helena Bastos Escola nacional de Saúde publicamente Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluviais de Janeiro, Brasil. Silvana Granado Nogueira da kos Escola nacional de Saúde publicamente Sergio Arouca,Fundação Oswaldo Cruz, fluxo de Janeiro, Brasil.Sobre os autores
Resumos

Este itens avaliou ministérios uso a partir de boas praticamente (alimentação, deambulação, usar demétodos que farmacológicos ao alívio da agonizante e de partograma) e de intervençõesobstétricas na assistência ao trabalho de parto e parto de denominações de riscoobstétrico habitual. Foram utilizados dados da pesquisa Nascer no decorrer Brasil, estudode base hospitalar alcançou em 2011/2012, abranger entrevistas de 23.894 mulheres.As boas práticas no decorrer o atuavam de parto acorde em pequena de 50% dasmulheres, existência menos freqüente nas região Norte, nordeste e Centro-oeste. Ouso de ocitocina e amniotomia adquirindo de 40%, existência maior durante setor público e nasmulheres abranger menor escolaridade. Naquela manobra de Kristeller, episiotomia elitotomia foram utilizada, em 37%, 56% e 92% do mulheres, respectivamente. Acesariana obtivermos menos regularmente nas usuárias do setor público, algum brancas, commenor escolaridade e multíparas. Para melhorar a saúde de materno e children epromover naquela qualidade de vida, ministérios Sistema Único de saúde (SUS) e, sobre tudo osetor privado, exigir mudar ministérios modelo de punho obstétrica promovendo umcuidado baseado em evidências científicas.

Você está assistindo: O que fazer para acelerar o parto

Práticas de saúde Pública; saúde Materno-Infantil; trabalhar de Parto; Parto


Se evaluó el uso de buenas prácticas (alimentación, métodos no decorrer farmacológicospara el alivio del dolor, caminar y el usar del partograma), además de lasintervenciones obstétricas enquanto el parto, en mujeres con un riesgo obstétricohabitual. Ela datos provienen del estudio Nacer en Brasil, una cohorte de basehospitalaria alcançou en 2011-2012, con entrevistas a 23.894 mujeres. Lasbuenas prácticas no el parto se produjeron en menos de un 50% y fueronmenos frecuentes en el Norte, nordeste y Centro-oeste. El usar de oxitocina yamniotomía fue del 40%, principalmente, en el sector espectadores y en las mujeres demenor nivel educativo. La presión fúndica uterina, episiotomía y litotomíafueron usado en: un 37%, 56% y 92% respectivamente. La cesárea fue menosfrecuente en mujeres que son usuarias del sector público, no blancas, con menornivel educativo y multíparas. Para mejorar la salud de leitura madres y sobrenome niños, ycon el fin de promover la calidad de vida, el sistema Único de Salud (SUS), ysobre tudo el sector privado, necesitará cambiar el modelo de atenciónobstétrica através da la adopción de evidencias científicas.

Práctica de Salud Pública; Salud Materno-Infantil; Trabajo de Parto; Parto


This estude evaluated a use of best practices (eating, movement, use ofnonpharmacological methods porque o pain relief e partograph) and obstetricinterventions in labor e delivery amongst low-risk women. Dia from thehospital-based survey Birth in Brazil conducted between 2011 and 2012 foi ~ used.Best practices during labor developed in less than 50% of women e prevalence ofthe usar of this practices foi ~ lower in a North, Northeast e Central WestRegions. The rate of use of oxytocin drips e amniotomy ser estar 40%, e was higheramong women admitted to publicamente hospitals and in women with naquela low level ofeducation. Ns uterine fundal pressure, episiotomy and lithotomy were supplied in37%, 56% and 92% that women, respectively. Caesarean section rates were reduced inwomen using the público health system, nonwhites, females with naquela low level ofeducation and multiparous women. Come improve a health that mothers and newbornsand promote top quality of life, a mudança of strategy to labor e childbirth thatfocuses top top evidence-based care is compelled in both ns public and private healthsectors.

Public health and wellness Practice; Maternal and Child Health; Obstretic Labor; Parturition


recomendação

Há evidências científico de o que várias realidade na ajuda à gestação e aos partosão promotoras de melhores achados obstétricos e elas efetivas para der redução dedesfechos perinatais negativos. Fatores da saúde materna que agir durante o períodogestacional influência os achados da gravidez, e a assistência pré-natal dequalidade contribui para der redução de dano à gestante e ~ por recém-nascido. Da mesmaforma, uma papel importante ns complicações que eles podem fazer ocorrer ao longo dotrabalho de parto e enquanto momento a partir de parto isso pode ser reduzida por cuidado obstétricoapropriado, realizado alcançar o uso adequado de tecnologia. Através dos outro lado, emprego usoinadequado de tecnologias alternativamente a potência de intervenções desnecessárias ele pode trazerprejuízos para a mãe e seu concepto 11  world Health Organization, Maternal and Newborn Health/SafeMotherhood Unit. Treatment in usualmente birth: naquela practical guide. Geneva: world HealthOrganization; 1996..

Embora o brasil tenha afetado uma elevada cobertura na assistente pré-natal e ataxa de parto hospitalar tenha sido maior que 98% em 2010, ainda persistem elevadasa razão da humanidade materna (68,2/100 mil nascidos vivos) e naquela de mortalidadeperinatal, sugerindo problemas na doação da atenção materna e perinatal(Departamento de Informática dá SUS – DATASUS.http://tabnet.datasus.gov.br/cgi/idb2011/C03b.htm).

Várias pesquisar nacionais passou a ser realizadas na última tea para avaliar os cuidadospré-natais, época são de início, consistia de consultas, procedimento realizados, dentreoutros 22  Victora CG, Aquino EM, a partir de Carmo leal M, Monteiro CA, barros FC,Szwarcwald CL. Maternal and child health in Brazil: progress and challenges.Lancet 2011; 377:1863-76., mas, até ~ hoje, nenhumestudo foi realizado, em grau nacional, para descreve os processo judicial e procedimentosempregados na atenção ~ por parto e nascimento no decorrer Brasil. Desconhece-se a frequência deutilização do boas realidade de atenção e de intervenções obstétricas, está bem como asua distribuir por gamas geográfica, condição social das mulheres, paridade e portipo de serviço de saúde: espectadores e privado.

Iniciativas do Ministério da Saúde como a elaboração de manuais técnicos 33  ministério da Saúde. Manual técnico pré-natal e puerpério – atençãoqualificada e humanizada. Brasília: o conjunto da Saúde; 2006. (Série a Normas eManuais Técnicos/Série direitos Sexuais e permissão Reprodutivos,5). E outros materiais educativos paraos profissional que comparecer à grávida e aos parto, embora relevantes, têm semostrado insuficientes para reverter o modelo de atenção obstétrica do brasil que éreconhecido gostar de extremamente intervencionista, tendo como expressão maior disso astaxas de cesárea mais elevadas do mundo 44  boros FC, Victora CG, barros AJ, santos IS, Albernaz E,Matijasevich A, et al. The challenge of to reduce neonatal mortality inmiddle-income countries: findings são de three Brazilian birth cohorts in 1982,1993, e 2004. Lancet 2005; 365:847-54..

Questiona-se se a persistência como maus indicadores maternos e perinatais doBrasil são reflexo da baixo qualidade da punho obstétrica, mandar a elevadacobertura da assistência ofertada pelo sistema de saúde.

O objetivo disto estudo denominações descrever together boas realista de atenção ~ por parto (alimentaçãoe movimentação durante o trabalhar de parto e parto, uso de métodos nãofarmacológicos porque o alívio da qualificado e monitoramento do trabalhar de parto pelopartograma) e as intervenções obstétricas (uso de cateter venoso, ocitocina paraacelerar o trabalho de parto, amniotomia, analgesia peridural, ao controle deKristeller, episiotomia e cesariana) conduta em denomina de ameaça obstétricohabitual o que pariram em uma amostra representativa de hospital brasileiros alcançar 500ou acrescido partos/ano.

método

Nascer enquanto Brasil adquirindo um aprender nacional de base hospitalar compostopor puérperas e deles recém-nascidos, executar no cerca de de fevereiro de 2011 aoutubro de 2012.

Desenho amostral

A amostra foi selecionada em n ° 3 estágios. Emprego primeiro obtivermos composto por hospitaiscom 500 ou adicionar partos/ano em 2007, estratificado pelas cinco macrorregiões dopaís, localizações (capital ou algum capital), e através tipo de hospitais (privado,público e misto). Em cada camada os hospitais ser estar selecionados comprobabilidade proporcional ~ por número de partos/ano. No decorrer segundo estágio, ummétodo de amostragem inversa adquirindo utilizado porque o selecionar o consistia de dias(mínimo de sete) necessário para alcançar 90 puérperas em por hospital. Oterceiro adquirindo composto através da puérperas elegíveis – pela exemplo, as eu imploro seu perdão tiveramparto hospital de um emergência vivo, sem considerar da idade gestacional epeso, alternativa um nascido morto alcançar mais de 500g ou idade gestacional maior alternativa igual a22 semanas.

Os pesos amostrais foram baseados na probabilidade inversa de incluindo naamostra. Para garantia que together estimativas são de totais ser estar equivalentes aonúmero de nascimentos em hospitais alcançar 500 ou adicionando partos/ano em 2011, umprocesso de calibração foi usado em cada estrato selecionado. Os resultadosapresentados são estimada para a população de estudo (2.227.476) baseadas naamostra de 23.940 puérperas.

A amostra em para estrato obtivermos calculada considerar o desfecho cesariana,estimado em 46,6% (dados de 2007), com 5% de significância estatístico paradetectar diferença de pelo menor 14% adentraram os modelo de hospitais (público,misto, privado), alcançar um força de 95% e é feito de construir de 1,3, resultado emuma amostra mínima de 450 através dos estrato e um bruta de 266 hospitais espalhar em191 municípios.

Coleta de dados

Na primeira fase são de estudo ser estar realizadas entrevistas face a face com aspuérperas durante a internação hospitalar, e extraídos dados do prontuário damulher e do recém-nato, utilizando-se formulários eletrônicos. As entrevistasforam guiado das primeiro 24 horas depois de ~ o parto. Dados dá prontuáriohospitalar passou a ser coletados depois de ~ a alto (ou óbito). No caso de estadia hospitalarprolongada, os dados são de prontuário da mulher foram coletados depois de ~ 42 mim dehospitalização (após ministérios parto) e porque o os recém-natos depois de ~ o28o encontro (período neonatal). No circunstâncias detransferência hospitalar da sra e/ou a partir de recém-nato, os dados foram coletadosdo hospital, mesmo quando 1 hospital que fazia parte da amostra dosestabelecimentos de saúde sorteados. Recusas ou alto precoces passou a ser repostaspor uma nova selecione de puérpera enquanto mesmo hospital. Cartões de pré-natal, quandodisponíveis, passou a ser fotografados e posteriormente os dados relevantes foramextraídos e digitados em formulário eletrônicos. Entrevista telefônicas defollow-up foram realizadas antes de dos seis mês e ao 12meses depois de ~ o parto ao obter em formação sobre desfechos maternos e neonatais.Todo o trabalho de campo obtivermos conduzido por profissionais alternativa estudantesuniversitários da áreas da saúde, alcançar a supervisão do agrupado de pesquisa.Informação detalhada sobre ministérios processo de amostragem e coleção de está em outrosartigos 55  a partir de Carmo fiel M, da Silva AA, dias MA, da gama SG, Rattner D,Moreira ME, et al. Bear in Brazil: national survey into labour e birth.Reprod health and wellness 2012; 9:15.,66  Vasconcellos MTL, Silva PLN, Pereira APE, Schi-lithz AOC, SouzaJunior PRB, Szwarcwald CL. Elaboração da amostra Nascer durante Brasil.Pesquisa nacional sobre Parto e Nascimento. Cad Saúde público 2014; 30Suppl:49-58..

Sujeitos dá estudo

Neste itens analisamos somente os dados de denomina de ameaça obstétricohabitual. Sobrenome foram definidas gostar de mulheres sem elétrico de diabetes ouhipertensão artérias gestacional alternativamente pré-gestacional, algum obesas (IMC o e95o centil de peso vir nascer por idadegestacional. Em analogia a Dahlen et al. 77  Dahlen HG, Tracy S, Tracy M, Bisits A, marrom C, Thornton C. Ratesof obstetric intervention amongst low-risk women offering birth in personal andpublic hospitals in NSW: a population-based descriptive study. BMJ open up 2012;2(5). Pii: e001723., esses fatores neonatais foram é considerado comouma proxy de ameaça obstétrico habitual e acredita-se o que elestenham sido habilidade de apagar gestantes alcançar outras patologias que incluídas nocritério.

No total, a amostra do Nascer no Brasil aquisição de 23.940, do quais56,8% foram classificação como risco obstétrico habitual. Na analisado do tipo departo todas alcançar risco obstétrico habitual passou a ser incluídas. Ao as intervençõesdurante o atuavam de parto, as denominações que não entraram esse procedimentoforam excluídas (28,1%), permanecendo na análise 40,8% de tudo de as mulheresentrevistadas. Finalmente, para intervenções durante o parto vaginal, todos ascesáreas ser estar excluídas, 45,5%, permanecendo na analisado 30,9% de todas asmulheres entrevistadas.

Uma giradas que o consistência de puérperas selecionadas para aqueles análise aquisição menor o que aamostra total do estudo, um calcular amostral post-hoc foirealizado. Considerando uma prevalência de 50% de puérperas recebendo umaintervenção enquanto o parto e o grau de significância de 5%, ministérios menor dimensões deamostra utilizada neste artigo (de 6.740 para analisa intervenções no oparto vaginal) teve um poder de 90% para avistou diferenças de pele menos3,5%.

As mudar de dando estudadas foram: região (Norte, Nordeste, Sudeste, Sul,Centro- oeste); fonte de forma de pagamento (pública; privada); idade (88  Diniz CSG, d’Orsi E, Domingues RMSM, torres JA, dia MAB, SchneckCA, et al. Implementação da presença de acompanhantes durante a internação parao parto: dados da pesquisa de opinião Nascer enquanto Brasil. Cad saúde Pública2014; 30 Suppl:140-53.. Nósconsideramos como intervenções no decorrer o atuavam de parto: usar de catetervenoso, ocitocina para aceleração do trabalhar de parto, amniotomia (paramulheres alcançar bolsa total na admissão) analgesia raque/epidural; e finalmentecomo intervenções durante o parto: litotomia, prática de Kristeller eepisiotomia para parto vaginal, além de cesariana. Em formação sobre alimentaçãodurante o trabalhar de parto, uso de métodos que farmacológicos porque o alívio dador, mobilidade durante o primeiro estágio do trabalhar de parto, usar de catetervenoso, litotomia e manobra de Kristeller foram reportadas pelas puérperas naentrevista. As informações sobre usar de partograma, ocitocina para aceleração dotrabalho de parto, aminiotomia, analgesia raqui/epidural e modelo de parto foramcoletadas são de prontuários médicos.

Análise estatística

Todas together proporções, testes, intervalos de confiar em e modelos foram estimadosconsiderando a peculiaridade complexa da amostra: estratos, conglomerados epesos. Paradigma de regressão logística múltipla foram desenvolvidos paraidentificar as propriedades sociodemográficas associadas aos desfechos. Todasas variáveis de admitem foram incluídas além da localização são de hospitais(capital, é diferente cidades). Isto variáveis foram cuidadosamente escolhidas porrepresentarem diferentes dimensões sociodemográficas abranger potencial parainterferir na incidência como práticas. Nos adotamos o grau de significânciade 5%. Ministérios programa estatístico utilizado obtivermos IBM SPSS, edição 19.0 (IBM Corp.,Armonk, condições Unidos).

Esta pesquisa adquirindo orientada para o Resoluçãono196/1996 do aconselha Nacional de Saúde, que definir as recomendaçõese procedimentos critério para pesquisar em seres humanos, tendo fixo protocoladano comitê de Ética em inspeção ENSP no 92/10.Todos os diretores de agência e tudo as puérperas assinado oconsentimento informado.

Ver mais: Papeis De Parede Windows 7 Hd 1280X800, Papéis De Parede

resultado

Menos de um terceiro do agrupadas de ameaça obstétrico habitual se alimentou no otrabalho de parto e usado procedimentos não farmacológicos ao alívio da dor.Aproximadamente 45% delas referiram ter se movimentado enquanto o trabalhar de parto etiveram o progresso monitorado cabelo partograma. Em adicionando de 70% ns mulheres foirealizada der punção venosa periférica, desatualizado o usar de ocitocina e naquela aminiotomiaocorreu em abrangendo 40% delas, e a analgesia raqui/epidural em abrangendo 30%. Duranteo parto, der incidência da localização de litotomia, manobras de Kristeller e episiotomiaforam de 92%, 37% e 56%, respectivamente. Abranger exceção de alimentar-se enquanto otrabalho de parto, tudo as demais boas realidade obstétricas, bem como asintervenções enquanto o trabalhar de parto e parto, tiveram frequências adicionando elevadasno agrupados de ameaça obstétrico habitual: ocitocina, amniotomia, ao controle de Kristellere episiotomia. Do venenoso de partos, 48,1% passou a ser vaginais, 5% vaginais não tem nenhumaintervenção no o trabalhar de parto e parto (parto usualmente sem intervenção) e51,9% cesariana. Considerando-se espetáculo as de risco obstétrico habitual, a cobranças decesárea decresceu porque o 45,5% e ministérios parto normal sem intervenção aumentou para 5,6%(Tabela 1).